17 novembro 2009

I GUERRA MUNDIAL - 1914/1915

Copyright ® Manuel Dória Vilar
RECORDAÇÃO DO TEMPO DE ÁFRICA - ANGOLA,17 de Junho de 1915.
Estas as memórias escritas por Joaquim Rodrigues, em Colo de Pito, em 10 de Setembro de MCMXV.
Este livro conta-nos a mobilização (viagem e regresso) das tropas portuguesas para Angola e em particular do 3º Batalhão de Infantaria 14 - Viseu (1032 homens), quando a Alemanha declarou guerra à França. Estas memórias manuscritas relatam-nos a saída das tropas de Viseu em 23 de Agosto de 1914 e o seu regresso de Angola em 30 de Setembro de 1915.
Joaquim Rodrigues (meu tio-avó), era sargento do Exército Português, casado em primeiras núpcias com Prazeres da Silva Fidalgo, que era irmão do meu avó José Ferreira Dória, que com a mesma mulher casou após o falecimento daquele em 07/06/1932.
Copyright ® Manuel Dória Vilar
Foto dos meus avós - Prazeres da Silva Fidalgo e José Ferreira Dória.
O meu bisavô, pai da minha avó Prazeres da Silva Fidalgo é um dos principais personagens do romance de Camilo Castelo Branco " Amor de Perdição " e ficcionado como Baltasar Coutinho.
Camilo Ferreira Botelho Castelo Branco (Lisboa, 16 de Março de 1825 — São Miguel de Seide, 1 de Junho de 1890)- escritor português, foi romancista, além de cronista, crítico, dramaturgo, historiador, poeta e tradutor.

A casa dos Fidalgos da Cerca, em Castro Daire, do século XVIII, é referenciada por Camilo no “Amor de Perdição”, e a Casa brasonada dos Aguilares, conforme informação disponibilizada pela C.M. de Castro Daire.
Aqui ficam 4 páginas do referido manuscrito, em meu poder e hoje, por mim, publicadas em primeira mão.
Dado tratar-se de um documento histórico aguardo a sua publicação em editora portuguesa a quem já foi apresentado este projecto.
Copyright ® Manuel Dória Vilar
Ver Portugal na Primeira Guerra Mundial
E, ainda, A DEFESA DAS COLÓNIAS DE ÁFRICA, DE 1914 A 1920.



Sem comentários:

Publicar um comentário